2016-07-21

Avaliando Negócios de Impacto Social

Em qualquer empreendimento, especialmente quando há investidores envolvidos, é importante apresentar os resultados do negócio a fim de demonstrar sua evolução, se as ações tomadas estão gerando melhorias ou quais mudanças podem ser feitas. Nos Negócios de Impacto Social não é diferente.

Nas empresas tradicionais, por exemplo, apresentam-se dados financeiros, relacionados ao lucro dos acionistas, que é o que mais lhes interessa. No caso dos Negócios de Impacto Social, demonstrar que o empreendimento está se estruturando financeiramente, ou até mesmo trazendo retornos, é importante, porém, tão importante quanto, é apresentar o impacto social causado.

Mensurando impacto social

A grande questão nesse sentido é: como medir os impactos sociais gerados? Por ser muito subjetivo, as formas de avaliação e mensuração de impactos sociais ainda estão em constante discussão e o único consenso sobre isso é que é algo extremamente complexo de se fazer.

De qualquer forma, é algo que deve ser pensado e realizado dentro das possibilidades de cada empreendimento.

Na prática

A avaliação do impacto social está relacionada “à ocorrência de mudanças em uma comunidade, população ou território a partir da inserção de uma variável conhecida no sistema (um projeto, programa ou negócio social) em uma relação causal observada entre a mudança e a variável”.[1]

Por isso, uma sugestão é começar com a criação de uma Teoria de Mudança, que, inclusive, muitas vezes é o próprio ponto de partida para a criação do Negócio de Impacto Social. A ideia é identificar relações de causa e efeito relacionadas ao objetivo do empreendimento, ou seja, mostrar como o negócio irá atingir o que quer atingir, e criar índices em cada uma das etapas.

Por exemplo: se a empresa oferece marmitas com comida saudável a um preço acessível para comunidades carentes, então as pessoas terão mais saúde e disposição, por isso, terão que faltar menos ao trabalho para ir ao médico, pois terão menos doenças relacionadas à nutrição.

É difícil constatar que as pessoas estão mais saudáveis devido à mudança na comida, pois outros fatores podem influenciar (inclusive negativamente), mas é possível criar alguns indicadores macro com alguns clientes, como análise da saúde e quantidade de idas ao médico para ter formas de avaliar o resultado social do negócio.

Impacto Social    

As empresas sociais costumam ter outros impactos sociais extremamente importantes, mas secundários, subjetivos e de longo prazo que são ainda mais difíceis de mensurar. No exemplo anterior, podemos citar ainda o aumento na disposição para o trabalho, na qualidade de vida e a evolução profissional.

Para mensurar esse tipo de impacto, é interessante buscar parcerias com os investidores e instituições de ensino e também manter uma relação duradoura com os clientes para obter as métricas do processo como um todo.   


[1] ICE e MOVE, 2014

Laís Mezzari e Thiago Chaves

Laís Mezzari é mestre em Administração pela ESAG/UDESC, com foco em Sustentabilidade e Responsabilidade Socioambiental Corporativa. Junto com Thiago Chaves, é co-autora do livro “Negócios de Impacto Social: um guia prático”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *